Delírios de Ophélia

Eu não existo pra você

​A dor que dói

Só o silêncio destrói

Coração dilacerado

Juntando os cacos

Seu descaso dói

Sua desprezo me corrói 

A realidade é a minha agonia.

Sonho…

Tenho você

Nos amamos 

Somos felizes 

É maravilhoso acordar todas as manhãs do seu lado

É mágico dormir com você todas as noites 

Adoro o jeito que me olha, apaixonadamente.

Adoro o jeito que sorri pra mim, puramente.

O nosso amor…. 

Os corpos suados,

O frenesi das nossas bocas

A mistura de nossos cheiros 

As mordidas apaixonadas

O seu gosto na minha boca

Seu gemido no silêncio da noite

A mais doce canção

A intensidade dos nossos corpos tremendo

A sintonia dos espasmos

O gozo harmonioso, intenso

Você em mim

Eu você

Entregues

Pura e simplesmente nós

Sorrisos cúmplices

Olhos extasiados de paixão…
A realidade é só um sonho

Que fere a minha alma

Despedaça meu coração

Eu não existo pra você

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s